Exército envia militares aos EUA para fazer “reparos elétricos”

Missão ocorre nas instalações da Comissão do Exército Brasileiro em Washington (CEBW), que passa por reforma

Reprodução/Google Street View

atualizado 19/02/2020 20:06

Dez militares do Exército Brasileiro foram enviados aos Estados Unidos com a missão de “executar serviços elétricos e afins de adequação e manutenção” nas instalações da Comissão do Exército Brasileiro em Washington (CEBW). A empreitada começou no último dia 15 e vai até 20 de março.

A designação para a viagem de serviço ao exterior de dois tenentes, dois sargentos, dois cabos e quatro soldados foi publicada em portaria assinada pelo comandante do Exército, general Edson Leal Pujol.

Confira:

0

A corporação informou, por meio de nota, que os militares foram “enviados do Brasil em razão de sua confiabilidade e qualificação técnica, de modo a salvaguardar os diversos ativos computacionais e físicos existentes na CEBW”.

De acordo com a Força, a CBMW é um órgão do Exército instalado nos Estados Unidos “que tem como missão principal adquirir no exterior e enviar para o Brasil materiais e sistemas de defesa”.

“A CEBW possui diversos servidores de banco de dados e computadores ligados a redes internas e externas e uma rede lógica destinada à execução dos diversos certames licitatórios. Estão armazenadas, em seus servidores de dados, informações sensíveis de centenas de contratos e diversas aquisições realizadas pelo EB, demandando o máximo de segurança e controle em seu funcionamento e manutenção”, explicou o Exército.

A reforma das instalações, incluindo reparos e substituição parcial da rede elétrica, começou há cerca de um mês. O objetivo, segundo a Força, é “aumentar a eficiência dos sistemas computacionais instalados e, consequentemente, do trabalho realizado pela CEBW”.

Últimas notícias