Gata rara com anomalia das “duas faces” bomba no Instagram

Com 1,9 milhões de seguidores, o animal conquista seguidores com suas duas cores

Reprodução/GoogleReprodução/Google

atualizado 05/09/2019 13:08

Se você é fã de animais e gosta de conferir o que está rolando no mundo pet, deve ter se deparado com uma foto da gata Vênus nas redes sociais. Ela ficou famosa devido às suas “duas caras”, que logo a alçaram a estrela digital. Atualmente, conta com 1,9 milhões de seguidores no Instagram.

A gatinha é portadora de uma anomalia chamada quimerismo, que se desenvolve quando dois óvulos são fecundados, como uma gestação de gêmeos bivitelinos, formando embriões com dois materiais genéticos. Ou seja, é como se o gatinho fosse “dois em um”.

De acordo com a veterinária especialista em clínica de pequenos animais Bárbara Latalisa, o quimerismo pode ser explicado como se dois indivíduos dividissem um só corpo. São casos muito raros. Ela ressalta, ainda, que a anomalia não altera o comportamento do animal.

“É extremamente difícil encontrar um animal com essa característica. Geralmente, os portadores da anormalidade não apresentam doenças. O comum são as assimetrias com pelagens distintas”, explica Bárbara Latalisa.

A pelagem diferente é a marca registrada da gatinha Vênus. Ela tem a parte direita do rosto preto com o olho verde e a metade esquerda amarela com o olho azul. No entanto, os pêlos do corpo são uma mistura dos dois.

A especialista alerta que, por se tratar de uma anomalia extremamente rara, não existe a possibilidade de  reproduzir e fazer uma nova “raça” de gatos como ela. Ela ressalta que o animal com a anormalidade não corre riscos de saúde.

“O que pode ocorrer de mais grave são casos de hermafroditismo, na hipótese destes dois embriões serem de sexos diferentes. Mas apenas isso”, acrescenta veterinária.

Não são apenas os gatos que possuem quimerismo. Cachorro, rato, passarinho e até lagosta também podem apresentar a anormalidade. Em humanos, a hipótese é mais remota: em todo o mundo, há apenas 40 registros médicos.

SOBRE O AUTOR
Zilá Motta

Graduanda em jornalismo no Centro Universitário Iesb, tem experiências como repórter e social media. Apaixonada pelo mundo pet, está atualmente como estagiária na coluna É o Bicho!

Últimas notícias