Bolsonaro x DiCaprio: acusação sobre queimadas rende memes

O presidente afirmou que o ator norte-americano pagou para "tacar" fogo na floresta Amazônia

JP Rodrigues/Metrópoles

atualizado 29/11/2019 15:20

Após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) acusar o ator Leonardo DiCaprio de pagar para “tacar” fogo na Amazônia, a hashtag com o nome do astro norte-americano aparece na primeira posição dos assuntos mais comentados no Twitter Brasil.

A referência do presidente a DiCaprio rendeu diversas piadas e comentários nas redes sociais. Ao deixar o Palácio da Alvorada, na manhã desta sexta-feira (29/11/2019), o chefe do Executivo disse a apoiadores: “Leonardo DiCaprio é um cara legal, né? Dando dinheiro para tacar fogo na Amazônia”.

“Leonardo DiCaprio achou o Diamante de Sangue, Soltou o Django Livre, matou a Julieta, foi até A Origem, virou o Lobo de Wall Street, afundou o Titanic e tascou fogo na Amazônia“, comentou uma internauta.

Esta não é a primeira vez que o presidente acusou sem provas o ator norte-americano. Em transmissão ao vivo nessa quinta, Bolsonaro relacionou o artista com as queimadas na Amazônia.

A afirmação está ligada à prisão de quatro brigadistas de Alter do Chão que foram presos por suspeita de participação em queimadas na Amazônia. Bolsonaro já culpou, mais de uma vez, Organziação Não Governamentais (ONGs) pelos incêndios na floresta amazônica.

Segundo Bolsonaro, Leonardo DiCaprio pagou o “mico do ano” por ter doado dinheiro para a WWF-Brasil após a ONG ter “encomendado uma fotografia de queimadas”. O Ministério Público Federal (MPF), no entanto, nunca afirmou que as investigações apontam para ONGs, mas a grileiros e proprietários de terra.

Últimas notícias