Palácio de Kensington: William cede pista de pouso para ambulâncias aéreas

A decisão se deu após a análise de que a região é a mais próxima para abastecer os helicópteros e fazer o transporte de maneira mais ágil

atualizado 06/05/2020 16:20

Príncipe William e Kate MiddletonTolga Akmen - WPA Pool/Getty Images

O príncipe William cedeu a pista de pouso dos helicópteros oficiais do Palácio de Kensington para que ambulâncias aéreas aterrissem e possam fazer o reabastecimento dos helicópteros e o transporte de profissionais da saúde. A intenção é colaborar no combate contra o coronavírus.

O jornal espanhol 20 Minutos conta que a decisão aconteceu após a análise de que a região é a mais próxima para abastecer os helicópteros e fazer o transporte de maneira mais ágil. A ação não vai interferir na rotina da família real, já que William, Kate Middleton e os filhos, George, Charlotte e Louis, estão passando a quarentena em Anmer Hall.

0

Antes de ceder as pistas de pouso, William já havia se voluntariado para servir ao Serviço Nacional de Saúde do Reino Unido (NHS) como piloto de ambulâncias aéreas durante a pandemia.

De acordo com o jornal The Sun, o Príncipe William “sabe que o país inteiro está fazendo a sua parte e quer contribuir”.

Últimas notícias