Pabllo diz não se limitar: “Fico com mulheres, homens héteros e gays”

Em entrevista para falar sobre o novo trabalho, a artista disse que gosta de lembrar que não é uma mulher trans e revela "gostar de corpos"

atualizado 24/06/2021 12:44

Cortesia/ Tarciso Augusto

Batidão Tropical é novo álbum de Pabllo Vittar que chega às plataformas digitais nesta quinta-feira (26/6). Uma das músicas que estará no novo trabalho da cantora, conta a história de uma noiva que foi deixada no altar. Outra, que teve teaser revelado, Triste com T (de tesão), Pabllo solta um: “É o que dá ser piranha”.

“Sou rapariga mesmo. Não namoro porque gosto de ficar com muita gente. Fico com mulheres, homens héteros, homens gays… Gosto de corpos”, disse a artista ao O Globo.

O novo álbum da artista é formado por nove faixas, com um toque de forró eletrônico. O intuito foi resgatar parte das raízes culturais de Pabllo, que nasceu em São Luis (MA).

“Batidão é sobre o Norte e o Nordeste, tem forró, tem tecnobrega… e ando ouvindo muito Zé Ramalho. O Zé é incrível. Ai, manda um beijo para ele na matéria, por favor!”, explicou a cantora durante a entrevista.

Em entrevista recente a Leo Dias, do Metrópoles, a drag queen falou um pouco sobre o que está por vir.

“O que posso adiantar é que será uma nova era, cheia de surpresas e com significado muito especial para mim. O resultado tá lindo demais”, disse.

0

Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles: https://t.me/metropolesfamosos

Últimas notícias