Empresário de Britney Spears se demite e diz que ela não voltará aos palcos

Em nota divulgada pelo TMZ, Larry Rudolph diz que a cantora não tem planos de fazer shows

atualizado 04/10/2021 16:49

britney spearsInstagram/Reprodução

Larry Rudolph, ex-empresário de Britney Spears, demitiu-se em meados de julho e citou o desejo da cantora de “se aposentar oficialmente”. De acordo com nota divulgada pelo TMZ, a artista não deverá voltar aos palcos.

“Já se passaram mais de dois anos e meio desde que Britney e eu nos comunicamos pela última vez, momento em que ela me informou que queria fazer um hiato de trabalho, por tempo indeterminado”, disse Rudolph, que trabalhou com a diva pop por 25 anos.

0

Durante depoimento de audiência pelo fim da tutela de seu pai, Jamie Spears, Britney chegou a dizer que se sentia “escravizada” por ele na época em que tinha que fazer shows constantemente, por anos.

“Na Califórnia, a única coisa semelhante a isso é chamada de tráfico sexual, quando obrigam que a pessoa trabalhe contra sua vontade e levam embora todos os seus pertences: cartão de crédito, telefone, passaporte”, disse ela, na ocasião.

Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles: https://t.me/metropolesfamosos 

Últimas notícias