“Zeramos a fila da creche em São Paulo”, afirma prefeito Bruno Covas

O tucano diz que foram criadas 91 mil vagas nos últimos 4 anos. Número de crianças matriculadas na rede municipal chegou a 375.560 neste mês

atualizado 17/12/2020 11:57

Bruno Covas (PSDB) e o governador João Dória (PSDB durante coletiva de vitoria eleicoes sp 7Fábio Vieira/Especial Metrópoles

São Paulo – O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), anunciou nesta quinta-feira (17/12) que a fila da creche foi zerada na cidade. Segundo o chefe do Executivo local reeleito, a meta para os próximos quatro anos é criar 50 mil vagas em creche na capital.

Covas afirmou que, em dezembro 2016, fim da gestão anterior, 65 mil crianças aguardavam vagas em creche.

“Nos comprometemos a criar 85 mil vagas em quatro anos, chegamos a 91 mil vagas. Pela primeira vez na história, zeramos a fila de creches nas escolas. O grande desafio para os quatro próximos anos é que tenhamos essa fila zerado durante todo o ano letivo” disse. “Nossa meta é criar mais 50 mil vagas em creche nos próximos quatro  anos”.

De acordo com a a Secretaria Municipal da Educação, em dezembro de 2016, a cidade tinha 284.217 crianças matriculadas nas creches e o número saltou para 375.560. “Essa gestão herdou da gestão anterior 65.040 mil crianças ainda na fila aguardando vaga em dezembro de 2016, depois a fila caiu para 44.094 mil em dezembro de 2017, 19.702 em dezembro de 2018, 9,670 em dezembro de 2019 e agora em dezembro de 2020 a fila zero”, disse Bruno Caetano, secretário de Educação.

Segundo o secretário há famílias de 540 crianças que preferiram aguardar vagas específicas. “A prefeitura vai oferecer as vagas do entorno. Elas preferem aguardar, mas a prefeitua tem vagas para todas.

Últimas notícias