Violência: Brasil tem, em média, cinco mortes a cada hora

Somente em setembro, houve 3,3 mil assassinatos. No mesmo período do ano passado, foram 4,1 mil. País registrou queda de 22% nas mortes

atualizado 26/11/2019 9:58

Hugo Barreto/Metrópoles

O Brasil teve uma queda de 22% no número de mortes violentas registradas nos nove primeiros meses deste ano em comparação com o mesmo período de 2018. O dado é do Monitor Violência, plataforma criada pelo portal G1, com base em estatísticas oficiais.

Somente em setembro, houve 3,3 mil assassinatos. No mesmo período do ano passado, foram 4,1 mil. No período que engloba os nove meses, foram 30.864 mortes violentas — 8.663 a menos que o registrado de janeiro a setembro de 2018 (39.527).  São quase cinco mortes a cada hora, em média.

A tendência de queda nos homicídios do país tem sido mostrada desde 2018 — a maior queda dos últimos 11 anos da série histórica do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, com 13%. No primeiro semestre deste ano, a queda foi de 22% — percentual que se mantém.

Segundo a plataforma, todos os estados do país apresentaram redução de assassinatos no período. Apenas três estados mantiveram uma queda superior a 30% no ano: Ceará, Rio Grande do Norte e Acre.

A ferramenta contabiliza as vítimas de homicídios dolosos (incluindo os feminicídios), latrocínios e lesões corporais seguidas de morte. Juntos, esses casos compõem os chamados crimes violentos letais e intencionais.

Últimas notícias