Villas Bôas tem piora e é submetido a traqueostomia

O general reformado e assessor do GSI está internado desde o dia 2 deste mês. Ela é portador de doença degenerativa

atualizado 10/10/2019 12:27

Michael Melo/Metrópoles

O assessor do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) e ex-comandante das Forças Armadas, general Eduardo Villas Bôas, apresentou uma piora no seu quadro de saúde nesta quinta-feira (10/10/2019). O militar reformado de 67 anos está no centro cirúrgico do Hospital Sírio Libanês, em Brasília, onde realiza uma traqueostomia. A informação foi inicialmente divulgada pela deputada federal Bia Kicis (PSL-SP) e posteriormente confirmado pelo GSI. 

“O General Villas Bôas foi submetido, com sucesso, a uma traqueostomia na tarde de ontem [quarta-feira]”, destacou o ministério. As visitas ao militar estão restritas aos familiares.

A assessoria do hospital Sírio Libanês destacou o sucesso da traqueostomia realizada. O general está internado na UTI no âmbito do pós-operatório. O hospital informou que irá divulgar uma nota no final da tarde desta quinta, mas adiantou ao Metrópoles que a cirurgia deve melhorar “substancialmente” a respiração do general. Uma consequência negativa do procedimento é que ele impede a fala sem uso de aparelhos.

Villas Bôas foi transferido no domingo (06/10/2019) ao Sírio Libanês após ter apresentado uma piora no quadro clínico. O assessor do GSI estava internado no Hospital das Forças Armadas, também em Brasília. A transferência ocorreu para “fins de estabilização do quadro respiratório”. O militar é portador de Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA), uma doença auto degenerativa. 

Na segunda-feira (07/10/2019) pela manhã, Villas Bôas fez um novo procedimento de broncoscopia, uma espécie de endoscopia para se obter imagens do aparelho respiratório, visando melhoria da atelectasia – falta de expansão dos alvéolos de uma parte do pulmão ou do pulmão inteiro devido a uma ausência de ventilação consecutiva à obstrução total ou parcial de um brônquio.

Com a notícia da piora do general, apoiadores se organizaram. A deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) publicou em rede social solidariedade a Villas Bôas. A parlamentar pediu aos seguidores, na manhã desta quarta, orações ao general. A intenção é que “tudo ocorra bem”, de acordo com as próprias palavras da parlamentar. 

“Infelizmente o General Villas Bôas teve uma piora no dia de hoje [quarta]. Seu quadro respiratório agravou um pouco, e por precaução os médicos decidiram fazer a TQT. Ele está no Centro Cirúrgico nesse instante fazendo a Traqueostomia. Vamos rezar por ele para que tudo corra bem!”

A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) também solicitou intervenção divina para que o quadro de saúde do general melhore. “Segundo a imprensa, o estado de saúde do Villas Boas se agravou nas últimas horas e ele foi levado ao Centro Cirúrgico para ser submetido a uma traqueostomia. Oremos pela saúde do nosso grande herói! Deus no comando”

Últimas notícias