Vídeo: motorista atropela pessoa em situação de rua “para dar susto”

Condutor disse que não teve a intenção de machucar a vítima; imagens apontam para atropelamento proposital; caso ocorreu em Catalão (GO)

atualizado 17/05/2021 19:22

goias homem atropela morador de rua em posto de combustíveisDivulgação/Polícia Militar

GoiâniaCâmeras de segurança de um posto de combustíveis no município de Catalão, região sudeste de Goiás, flagraram quando um homem de 27 anos atropelou uma pessoa em situação de rua. Em depoimento, o condutor do veículo disse à polícia que não teve a intenção de machucar a vítima e queria “apenas dar um susto nele”.

O caso aconteceu nesse domingo (16/5), por volta das 21h30. Conforme as imagens, o motorista deixa o posto de combustíveis e, logo em seguida, acelera o carro, uma picape, na direção do morador de rua e o atropela. O condutor do veículo fugiu sem prestar socorro a vítima.

Veja o vídeo:

O andarilho, de 35 anos, foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel (Samu) e levado até o Hospital Santa Casa de Misericórdia de Catalão, mas fugiu da unidade após receber os primeiros socorros.

Ao G1, o delegado responsável pelo caso, Fernando Maciel, disse que o motorista foi encontrado pela Polícia Militar. Segundo ele, o homem estava escondido na casa de amigos e foi achado por meio de denúncias. O condutor do veículo foi ouvido e liberado.

“Ele alegou que acelerou o carro em direção ao morador de rua na intenção de dar um susto nele, mas que, por falta de cálculo ou descuido, acabou atropelando. No depoimento, ele disse que o andarilho fica bastante na região ‘importunando’ as pessoas, pedindo dinheiro e até ameaçando”, declarou Maciel.

O condutor do carro disse ainda que não prestou socorro ao morador de rua porque “ficou muito assustado com a situação”.

“O que mais dificulta é o desaparecimento da vítima, que fugiu do socorro. Nosso objetivo é encontrá-lo para realizar exames médicos e ouvir a versão dele. Vamos ouvir também mais pessoas, por exemplo, os funcionário que estavam no posto no momento do crime”, completou o delegado.

O motorista pode ser indiciado por tentativa de homicídio ou pelo crime de lesão corporal.

Últimas notícias