Vereador terá que apagar post sobre Xuxa ser assediadora de menores

Decisão da 1ª Vara Criminal de Nilópolis, na Baixada Fluminense, é contra o vereador Anderson Campos (Republicanos) apoiador do presidente

atualizado 28/10/2021 21:08

XUxaDivulgação

Rio de Janeiro – O vereador bolsonarista de Nilópolis Anderson Campos (Republicanos) vai ter que retirar do Instagram e do Facebook postagens nas quais chama Xuxa Meneghel de “assediadora de menores”.  O parlamentar terá que fazer novas postagens nas redes sociais pedindo desculpas e excluir as que foram publicadas contra a apresentadora. As publicações terão que ficar disponíveis por cinco meses.

A decisão é do juiz da a 1ª Vara Criminal de Nilópolis, Alberto Fraga. Anderson Campos atacou Xuxa nas redes sociais no dia 26 de maio, dois dias apó de a apresentadora assinar pedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) protocolado pelo movimento “Vidas Brasileiras”, na Câmara dos Deputados.

0

A audiência sobre o caso aconteceu no último dia 22 de outubro. O vereador esclareceu “que não teve intenção de ofender a honra da apresentadora Xuxa, ao dizer, no calor da emoção, que se tratava de pessoa que seria assediadora de menores”. Ele disse que só queria criticar a participação da “Rainha dos baixinhos” no filme erótico Amor, Estranho Amor, em 1982.

Para o vereador como a obra e incompatível com  a “moral e os bons costumes”, Xuxa não poderia assinar o pedido de impeachment do presidente.

Xuxa não compareceu à audiência no fórum de Nilópolis para evitar tumultos.

Mais lidas
Últimas notícias