Vídeo mostra atirador disparando contra fiéis na igreja em Campinas

Na Catedral Metropolitana, Euler Fernando Grandolpho matou quatro pessoas e deixou quatro feridas. Depois, ele se suicidou

MAYCON SOLDAN/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADAO CONTEUDOMAYCON SOLDAN/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADAO CONTEUDO

atualizado 11/12/2018 21:20

O exato momento em que Euler Fernando Grandolpho se ergue de onde estava sentado e atira contra fiéis, nesta terça-feira (11/12), foi captado por uma câmera de segurança no interior da Catedral Metropolitana de Campinas. Na ação, Grandolpho matou quatro pessoas e deixou quatro feridas. O atirador foi alvejado por policiais que entraram na igreja, mas o tiro pegou na lateral de seu corpo. Então, tirou a própria vida.

Assista ao vídeo:

De acordo com o delegado José Henrique Ventura, o atirador não tinha passagem pela polícia. Na mochila que carregava, não foi encontrada nenhuma carta ou qualquer pista sobre a motivação do crime. A Carteira Nacional de Habilitação (CNH) de Grandolpho é de Valinhos, município do interior de São Paulo que já foi um distrito de Campinas.

O comandante do 8º Batalhão da Polícia Militar (PM) de Campinas, major Augusto, disse que o atirador sabia utilizar a munição como alguém treinado. “A forma com que ele manuseava a arma indica que tinha algum tipo de treinamento”, explicou o militar. A polícia acredita que o atirador tenha agido sozinho e, agora, está em busca da motivação do ataque.

Últimas notícias