Testemunha descobriu que marido integrava milícia após sofrer emboscada

Mulher é chave na operação que investiga grupo no Rio de Janeiro

atualizado 27/10/2020 17:22

Uma mulher testemunha-chave em um processo que investiga milicianos em Rio das Pedras, na Zona Oeste do Rio, afirmou em depoimento à Justiça que foi alvo de uma emboscada organizada por milicianos após descobrir que o marido fazia parte do grupo. Depois da Operação Intocáveis, ela acabou descobrindo que além de ter um dívida com a milícia, o marido estava envolvido com a quadrilha.

A testemunha disse que conheceu o marido em 2013, e que no ano seguinte os dois alugaram um imóvel e abriram a loja de gesso, em Rio das Pedras. Depois que o imóvel foi vendido, em 2018, cerca de sete integrantes da milícia cercaram a loja e cobravam uma dívida de R$ 6 mil. A partir desse momento a mulher começou a entender o que estava acontecendo.

Confira a matéria completa no site O São Gonçalo, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias