SP tem 5,6 mil casos de Covid-19 diários, mil a mais que média de novembro

Governo estadual tenta conter aumento de casos com fase vermelha, mas 18 cidades resolveram não aderir às restrições

atualizado 26/12/2020 18:50

Movimentação em hospital de campanha da Covid-19 na zona norte de Osasco, na grande São PauloFábio Vieira/Especial Metrópoles

São Paulo – Na semana que se encerra neste sábado (26/12), o governo do estado de São Paulo anunciou que o estado registrou uma média de 5,6 mil casos diários de contaminação por Covid-19. São mil casos a mais do que o verificado em semana correspondente, há um mês, em novembro.

Esperando minimizar o aumento de casos e de mortes, o governo decretou que todo o estado deveria aderir à fase vermelha do Plano São Paulo, nos últimos dois fins de semana de feriados no ano de 2020.

Porém um grupo de nove prefeitos da Baixada Santista resolveu não aderir totalmente ao plano. Seguiram-se a eles outras nove cidades. Na Grande São Paulo, Mogi das Cruzes e Cotia; no interior, Bauru, Olímpia, Catanduva, Socorro; e no litoral norte, São Sebastião, Caraguatatuba e Ubatuba.

Em todas essas cidades, as atividades não essenciais permanecem abertas, mas com horários reduzidos. As cidades do litoral farão barreiras sanitárias durante o feriado de Ano Novo para impedir a chegada de turistas.

Na capital, a maior parte do comércio fechou e as ruas ficaram vazias. No entanto, o Metrópoles registrou movimentação não região da 25 de março.

0
0

 

Últimas notícias