SP: homem saltou muro antes de matar ex-mulher a facadas em Campinas

Elder Cruz confessou que assassinou Cibele Ramires Almeida, em frente à filha de 3 anos do ex-casal, por não aceitar fim de relação

atualizado 03/08/2021 16:47

Homem pula muro antes de invadir casa de ex-mulher e matá-la a facadas em CampinasReprodução/EPTV

Um vídeo divulgado nesta terça-feira (3/8) mostra um homem acusado de matar a ex-mulher pulando telhados para chegar à casa da vítima, no bairro Jardim Chapadão, em Campinas (SP). O crime aconteceu na madrugada de domingo (1/8), em frente à filha de 3 anos do ex-casal.

Nas imagens, é possível ver Elder Cruz andando por cima de um muro para ter acesso ao prédio onde morava Cibele Ramires Almeida. Na residência, ele a atacou com uma faca no tórax e no abdômen. Cerca de cinco minutos depois de chegar, ele sai pelo portão da frente do prédio, como se nada tivesse acontecido.

0

Ele foi preso na segunda-feira (2/8) em uma área de mata no bairro Parque Via Norte. A Polícia Militar de São Paulo informou que ele confessou o crime e disse que pretendia fugir para o Paraná.

Segundo o G1, Elder já havia sido preso por descumprimento de protetiva em outro relacionamento. Também há relatos de que, antes da noite do assassinato, ele se aproveitou da saída de moradores e entrou no prédio outras vezes.

Segundo familiares, o rapaz não aceitava o fim do relacionamento com Cibele. Eles estavam separados havia dois anos, mas voltaram a morar juntos em março deste ano. Em junho, novamente se separaram.

Cibele Ramires de Almeida, morta a facadas pelo ex-marido em Campinas (SP)
Cibele Ramires de Almeida foi morta a facadas pelo ex-marido

“Segundo informações passadas por familiares da vítima, eles estiveram juntos até junho deste ano, mas ele não aceitava o fim do relacionamento. Na data, foi até o prédio e pulou o muro conseguindo acessar o apartamento dela. Um vizinho percebeu um forte barulho e ao ver já caída chamou o Samu [Serviço de Atendimento Móvel de Urgência], que constatou o óbito no local”, diz nota da Secretaria da Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP).

Na madrugada do crime, vizinhos relataram ter ouvido pedidos de socorro, mas já encontraram a vítima morta no local.

Cibele foi enterrada na tarde de segunda-feira. Ela deixa também uma filha de 15 anos, de outro relacionamento.

Elder está detido na 2ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Campinas, onde ficará até ser transferido para uma unidade prisional. Ele vai responder pelo crime de feminicídio.

Mais lidas
Últimas notícias