SP avalia liberar uso de máscaras ao ar livre na 2ª quinzena deste mês

A Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo analisa a viabilidade da liberação com base nos dados da pandemia de Covid na capital paulista

atualizado 05/10/2021 18:15

Desrespeito ao uso de máscara em São PauloFábio Vieira/Metrópoles

São Paulo – A prefeitura de São Paulo avalia encerrar a obrigatoriedade do uso de máscaras em áreas externas de locais públicos, ao ar livre, a partir da segunda quinzena deste mês. De acordo com reportagem do G1, a Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo analisa a viabilidade da liberação com base nos dados da pandemia de Covid na cidade.

Serão estudados o índice da população vacinada e a taxa de mortalidade em decorrência da Covid.

Até esta terça-feira (5/10), cerca de 82% da população adulta da capital paulista já estava imunizada com a segunda dose.

No estado de São Paulo, o fim da obrigatoriedade de máscara ainda não foi anunciado. O governador João Doria afirmou recentemente que o uso do acessório deveria permanecer obrigatório, pelo menos, até o fim deste ano.

Últimas notícias