Rio recebe mais 444 mil doses de vacina do Butantan nesta terça-feira

Estado vai destinar metade aos municípios para a aplicação da primeira dose. A distribuição para a capital começa nesta quarta-feira (17/3)

atualizado 16/03/2021 19:16

Vacinação contra a Covid-19 no Sambódromo do Rio de JaneiroAline Massuca/Metrópoles

Rio de Janeiro – O governo do estado do Rio de Janeiro recebe mais 444 mil doses da vacina Coronavac, produzida pelo instituto Butantan, em São Paulo, nesta terça-feira. Assim que chegar ao Rio, o material será enviado a Coordenação Geral de Armazenagem (CGA) do Estado, em Niterói, Região Metropolitana.

A distribuição para a capital, Niterói, São Gonçalo e Maricá municípios acontece na manhã desta quarta-feira (17/3). Metade dos imunizantes será destinada aos municípios para a aplicação da primeira dose.

Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde informou que “trabalha intensamente, desde a primeira entrega de vacinas contra Covid-19 pelo Ministério da Saúde, para distribuir as doses de forma igualitária e imediata para os 92 municípios do estado”.

“Os lotes destinados ao Rio, Niterói, São Gonçalo e Maricá sempre foram e continuarão sendo entregues de forma imediata por via terrestre. Os helicópteros são utilizados para garantir a igualdade no atendimento a todos os municípios, possibilitando que todos recebam as doses em seis a sete horas”, complementa a nota.

De acordo com o governo, mais 174 mil doses que estavam armazenadas para a segunda aplicação serão enviadas na mesma remessa para as prefeituras.

Além das 444 mil doses, o estado tem a expectativa de receber uma nova leva da Coronavac até o final desta semana, quando o Instituto Butantan deve entregar mais duas milhões de unidades ao Ministério da Saúde nesta quarta.

Com a chegada das doses, o calendário de vacinação poderá ser retomado nas cidades que suspenderam a aplicação da primeira dose. Na capital, idosos de 75 anos seriam vacinados a partir da última sexta-feira (12).

0

 

Mais lidas
Últimas notícias