Rio confirma o segundo caso da variante Ômicron na cidade

Trata-se de uma brasileira de 23 anos, que reside em Nova Iorque (EUA). A jovem chegou ao Brasil no dia 17/12 e está assintomática

atualizado 03/01/2022 16:44

cepa ÔmicronGetty Images

Rio de Janeiro – A Secretaria municipal de Saúde (SMS) confirmou o segundo caso da variante Ômicron na cidade do Rio de Janeiro. O diagnóstico foi feito em uma brasileira, de 23 anos, que reside em Nova Iorque, nos Estados Unidos.

A jovem chegou ao município do Rio no dia 17 de dezembro. Em nota, a SMS informou que o laudo do sequenciamento genômico feito pela Fiocruz ficou pronto nesta segunda-feira (3/1). Outros 180 casos são investigados na Capital e outros 43 no estados referentes a 11 municípios.

0

“A paciente havia tomado duas doses da vacina da Moderna contra a covid-19, sendo a segunda há mais de seis meses. Ela não tomou dose de reforço. No momento, a paciente já não apresenta mais sintomas”, informou trecho da nota.

Ao chegar ao Rio, a brasileira procurou uma unidade de saúde da rede particular com quadro de amigdalite. Foi submetida a exame de PCR, com resultado positivo para covid-19.

Segundo caso

É a segunda brasileira que mora nos Estados Unidos e é diagnosticada com Ômicron no Rio. A primeira é uma mulher de 27 anos, que mora em Chicago. O caso dela foi confirmado pela SMS no dia 20 de dezembro.

A paciente apresentou, inicialmente, sintomas leves e agora está assintomática. Desde 13 de dezembro, quando desembarcou na capital, está em isolamento domiciliar. Todos que tiveram contato com ela foram testados com resultados negativos, não havendo transmissão local.

A paciente também já havia sido vacinada com duas doses do imunizante da Pfizer – a última em abril deste ano -, mas não recebeu a dose de reforço.

Mais lidas
Últimas notícias