Molon apresenta projeto contra alteração de membros do Conama

Segundo o deputado, o decreto desrespeita a Constituição Federal ao enfraquecer o órgão responsável por definir as políticas ambientais

atualizado 29/05/2019 14:46

Rafaela Felicciano/Metrópoles

O líder da oposição na Câmara dos Deputados, Alessandro Molon (PSB-RJ), deu entrada, nesta quarta-feira (29/05/2019), a um Projeto de Decreto Legislativo (PDL) para sustar os efeitos do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) que altera a composição nos membros do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama).

Segundo o deputado, o decreto desrespeita a Constituição Federal ao enfraquecer o órgão responsável por definir as políticas públicas para a preservação da natureza.

Confira o documento na íntegra:

PDL CONAMA Autenticado by Juliana Barbosa on Scribd

“Mais uma vez, o presidente da República [Jair Bolsonaro] tenta por meio de decreto presidencial avançar em sua cruzada contra o meio ambiente. Nós não vamos permitir”, afirmou o parlamentar.

O chefe do Executivo assinou, nessa terça-feira (28/05/2019), um decreto para dar maior eficiência e racionalidade ao funcionamento do Conama.

Atualmente, o conselho tem 100 titulares e 100 suplentes. Esse número será reduzido para 22 membros respectivamente mantendo-se a proporcionalidade das representações existentes.

Últimas notícias