Malafaia ataca Calheiros por questionamentos na CPI: “Inescrupuloso”

Pastor evangélico se pronunciou sobre o relator da CPI da Covid, enquanto o ex-secretário de Comunicação depõe no colegiado

atualizado 12/05/2021 14:09

Bolsonaro e MalafaiaReprodução/YouTube

Enquanto o ex-secretário de Comunicação Social da Presidência da República Fabio Wajngarten presta depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, o pastor evangélico Silas Malafaia disparou no Twitter contra o relator da CPI, senador Renan Calheiros (MDB-AL).

Renan fez os primeiros questionamentos a Wajngarten, focando em declarações, dadas à Revista Veja, sobre uma possível incompetência do Ministério da Saúde em relação à compra de vacinas contra o coronavírus.

Wajngarten tergiversou sobre o impacto das falas de Bolsonaro e Renan insistiu. “Acho que o senhor tem que perguntar para ele, senador”, declarou Wajngarten, incomodando os senadores.

Conselheiros de Wajngarten

Em seu discurso inicial ao colegiado no Senado, Wajngarten destacou que é aconselhado por Silas Malafaia e Romildo Ribeiro Soares, conhecido como RR Soares, líder da Igreja Internacional da Graça de Deus.

“Tive a felicidade de ter uma sólida educação judaica, rezo todos os dias. Além disso, frequento as reuniões do Templo de Salomão, em São Paulo, que me ensinou a ser forte e a ser crente. Me aconselho com pastor Malafaia e o missionário RR para buscar sempre o caminho da fé. Participei de um governo temente à Deus, que protege a família, sempre em nome da Pátria”, afirmou Wajngarten.

Malafaia é apoiador de primeira hora do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e frequentador do Palácio do Planalto.

0

Últimas notícias