Bolsonaro sobre ausência em Davos: “Tudo resolvido”

O presidente viajou para o litoral de São Paulo para descansar, acompanhado da filha Laura, de 9 anos

atualizado 09/01/2020 10:44

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) deixou o Palácio da Alvorada na manhã desta quinta-feira (09/01/2020) com destino ao Guarujá, no litoral de São Paulo, onde descansará até a próxima terça-feira (14/01/2019).

Na saída, ao ser questionado sobre ausência no Fórum Econômico de Davos, na Suíça, marcado para o próximo dia 24 de janeiro, o presidente respondeu: “Está tudo resolvido. Sem problemas Davos, sem problema taxação do aço, sem problemas Estados Unidos. Brasil está bem, defendendo sua Constituição”.

A viagem de Bolsonaro para a Suíça para participar do fórum, que reúne, além dos chefes das principais economias do mundo e maiores empresas e investidores, chegou a ser preparada pelo Palácio do Planalto. No entanto, o governo anunciou nesta semana a desistência do presidente em comparecer ao evento mundial.

Na Suíça, o Brasil será representado pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, a partir do dia 20 de janeiro e, de acordo com o governo, já tem agendada uma série de encontros com executivos dos setores financeiro, de energia, tecnologia e bebidas.

A viagem à Suíça fará parte de um périplo internacional que inclui São Francisco, nos Estados Unidos, e Nova Déli, na Índia. Guedes ficará fora do país entre 16 a 27 de janeiro.

Últimas notícias