Bolsonaro: “Seríamos o 4° que mais vacina, se todas fossem aplicadas”

O presidente comemorou nas redes a marca de mais de 50 milhões de vacinas contra a Covid-19 disponibilizadas no país

atualizado 17/04/2021 16:06

Em constante confronto com os governadores, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou, neste sábado (17/4), que o Brasil ultrapassou a marca de 50 milhões de vacinas contra a Covid-19 disponibilizadas e sugeriu que o país não está na quarta posição entre os países com mais vacinaram no mundo porque as doses não estão sendo aplicadas.

Nas redes sociais, o presidente destacou que o governo distribuiu 53 milhões de vacinas, mas foram 28,4 aplicadas.

O Brasil é o 5º país que mais aplicou vacinas contra a Covid-19, se comparar os países do G20, grupo que reúne as economias mais ricas do mundo. Entretanto, na comparação por números relativos à população, o país é o 11º em aplicações, considerando o número de doses a cada 100 habitantes, segundo o site Our World in Data, ligado a Universidade de Oxford.

Crítico da vacina, o presidente vem em rota de colisão com governadores e prefeitos por decretarem medidas restritivas.

Bolsonaro vem acusando alguns de desvio de recursos e até tentou articular para que Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que vai investigar ações e omissões do governo federal no enfrentamento da pandemia da Covid-19 também atingissem estados e municípios.

0

Ao lado do ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, do ministro da Defesa, Braga Neto, e do líder do PSL na Câmara, Major Vítor Hugo (GO), Bolsonaro viajou neste sábado a Goianápolis, interior de Goiás, de helicóptero, sem compromisso oficial, e provocou aglomeração.

Últimas notícias