Bolsonaro nomeia general para chefiar inteligência do Exército

Assim como o presidente, Luiz Gonzaga Viana Filho também se formou na Academia Militar das Agulhas Negras

atualizado 13/11/2020 8:55

general Viana FilhoReprodução/Tribunal de Justiça do Amapá

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nomeou o general de brigada Luiz Gonzaga Viana Filho para chefiar o Centro de Inteligência do Exército. A indicação foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (13/11).

Gonzaga é formado em direito e, no Exército, passou pelo Colégio Militar de Fortaleza, Escola Preparatória de Cadetes do Exército e Academia Militar das Agulhas Negras, onde Bolsonaro também se formou. Ele foi promovido ao posto de general em 2017, pelo então presidente Michel Temer (MDB).

Assim como Jair Bolsonaro, também fez curso de paraquedista, além de aperfeiçoamento da arma de infantaria, comando de Estado Maior, operações na selva e curso avançado de inteligência. Comandou a Companhia de Brigada de Infantaria Motoriazada em Cuiabá (MT).

No exterior, foi adido militar do Brasil e no Chile e acompanhou, como observador, missão de paz da ONU no Sudão.

Últimas notícias