Bolsonaro é o presidente que menos aprovou projetos, diz estudo

Levantamento do Observatório Legislativo Brasileiro indica que o chefe do Executivo aprovou apenas 27,7% dos projetos enviados ao Congresso

atualizado 06/12/2021 15:39

Presidente Jair Bolsonaro Igo Estrela/Metrópoles

Um estudo do Observatório Legislativo Brasileiro (OLB) aponta que o presidente Jair Bolsonaro (PL) aprovou só  27,7% dos projetos enviados ao Congresso Nacional em 2021. Este é o pior desempenho de um presidente da República desde a redemocratização.

Segundo dados do OLB, o melhor desempenho do chefe do Executivo federal neste mandato foi registrado em 2020, quando ele conseguiu aprovar 42,9% das propostas. O período coincide com o início da pandemia da Covid-19 e a apresentação de matérias para conter o impacto da doença, como o auxílio emergencial e a PEC do Orçamento de Guerra.

No seu primeiro ano de governo, em 2019, Bolsonaro aprovou apenas 30% das iniciativas legislativas enviadas ao Parlamento.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
0

Eleito com discurso crítico ao Centrão, Bolsonaro vem buscando desde o ano passado estreitar os laços com este grupo de partido, cedendo espaços na Esplanada de Ministérios em troca de apoio no Congresso. Na semana passada, ao se filiar ao PL, o presidente selou de vez a entrada no grupo.

Antes, o pior desempenho havia sido registrado em 2014, ano em que a ex-presidente Dilma Rousseff (PT), recém-reeleita, aprovou só 33% das propostas. Já o melhor desempenho registrado ocorreu em 2007 durante a gestão do ex-presidente de Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

O OLB é um projeto mantido por pesquisadores do Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP), vinculado à Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ).

Mais lidas
Últimas notícias