Banda do Exército toca em culto da Assembleia de Deus em Roraima

Presidente Jair Bolsonaro participa de culto de 106 anos da Assembleia de Deus nesta terça-feira (26/10), em Boa Vista (RR)

atualizado 26/10/2021 18:10

Reprodução/Assembleia de Deus Roraima

A banda do Exército Brasileiro tocou em culto em comemoração aos 106 anos da Assembleia de Deus em Boa Vista, capital de Roraima, na tarde desta terça-feira (26/10). O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que participa da solenidade religiosa, pediu à banda que tocasse uma música.

“A banda tem o repertório da Canção do Expedicionário? Positivo? Devidamente autorizado pelo pastor aqui”, pediu o chefe do Executivo federal, que foi atendido na sequência.

A banda do Exército também tocou o Hino à Bandeira Nacional e o Hino Nacional e está acompanhada pela banda da própria igreja.

O pastor Isamar Ramalho, presidente da Assembleia de Deus local, disse que os evangélicos estavam “sem ter quem falasse a nossa língua, sem ter quem nos entendesse, sem ter quem nos representasse”. Nas eleições municipais de 2020, o pastor concorreu à Prefeitura de Boa Vista pelo Podemos, ficando na sexta colocação. Ele estuda candidatura ao governo de Roraima em 2022.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
0

Assista à transmissão do evento:

Visita à Operação Acolhida

Mais cedo, Bolsonaro expôs em um vídeo nas redes sociais venezuelanos abrigados pela Operação Acolhida. Ele acusou a esquerda brasileira de apoiar o regime que causou sofrimento à população do país vizinho.

Em seguida, Bolsonaro fez um sobrevoo em terras indígenas. O governador de Roraima, Antonio Denarium (PP), acompanha toda a agenda presidencial.

A visita de Bolsonaro à fronteira acontece no mesmo dia da leitura do relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19. O presidente, ao lado de mais 78 pessoas e duas empresas, está entre os indiciados no documento. Os três filhos mais velhos do presidente também foram incluídos no pedido.

Como de praxe em viagens oficiais, Bolsonaro voltou a descumprir regras sanitárias e circulou sem máscara por Boa Vista (RR). Ao lado de Denarium, o presidente passeou pelas ruas em cima da caçamba de uma caminhonete e visitou a sede do governo.

Acompanham o presidente na viagem os ministros do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSI), general Augusto Heleno; da Justiça, Anderson Torres; e da Cidadania, João Roma. Também compõem o grupo parlamentares do estado e o pastor Magno Malta, ex-senador pelo Espírito Santo e aliado de primeiro hora de Bolsonaro.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
0

 

Mais lidas
Últimas notícias