Após negar ameaças, Braga Netto defende debate sobre voto impresso

Segundo jornal, ministro da Defesa teria enviado recado a Arthur Lira condicionando as eleições de 2022 ao voto impresso e auditável

atualizado 22/07/2021 11:17

Braga NettoHugo Barreto/Metrópoles

O ministro da Defesa, general Braga Netto, disse, nesta quinta-feira (22/7), que não se comunica com presidentes de outros Poderes por meio de interlocutores e garantiu que as Forças Armadas sempre irão atuar dentro dos limites da Constituição.

O general comentou reportagem do jornal O Estado de S. Paulo sobre ter supostamente enviado recado ao presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), condicionando as eleições de 2022 ao voto impresso e auditável. O aviso teria sido dado por meio de um interlocutor. Na ocasião, Braga Netto estaria acompanhado de chefes militares das Forças Armadas.

“Hoje foi publicada uma reportagem na imprensa que atribui a mim mensagens tentando criar uma narrativa sobre ameaças feitas por interlocutores a presidente de outro Poder. O ministro da Defesa não se comunica com os presidentes dos Poderes por meio de interlocutores. Trata-se de mais uma desinformação que gera instabilidade entre os Poderes da República em momento que exige a união nacional”, disse, ao ler nota.

Mais cedo, ao ser questionado sobre o assunto, Braga Netto declarou que tratava-se de uma “mentira, invenção“.

“O ministro da Defesa reitera que as Forças Armadas atuam sempre e sempre atuarão dentro de limites previsto da Constituição. A Marinha do Brasil, Exército Brasileiro e a Força Área Brasileira são instituições nacionais, regulares e permanentes, comprometidas com estabilidade, manutenção da democracia e com a liberdade do povo brasileiro”, declarou o general.

“Acredito que todo cidadão deseja maior transparência e legitimidade no processo de escolha de seus representantes. A discussão sobre o voto eletrônico e auditável, por meio de comprovante impresso, é legitima e está sendo analisada pelo Congresso”, completou.

Veja a íntegra da nota do Ministério da Defesa:

Nota Oficial Min Def v. 22JUL2021 by Tacio Lorran Silva on Scribd

Últimas notícias