Augusto Heleno confirma troca de diretor-geral da Abin

Agência de inteligência ficará sob o comando de um dos coordenadores da segurança de Bolsonaro durante a campanha eleitoral

BRUNO ROCHA/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADAO CONTEUDOBRUNO ROCHA/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADAO CONTEUDO

atualizado 08/05/2019 19:02

O ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, confirmou na tarde desta quarta-feira (08/05/2019) que vai trocar o diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin). Quem assumirá é o delegado da Polícia Federal (PF) Alexandre Ramagem Rodrigues. Heleno não deu prazo para que a troca seja efetivada.

Segundo o ministro, a ideia é que a troca do atual diretor-geral, Janér Alvarenga, ocorra “sem traumas”, mas com rapidez. A orientação teria partido do presidente Jair Bolsonaro (PSL), afirmou Heleno.

“É apenas uma troca para modificar um pouquinho a filosofia do nosso sistema de inteligência”, disse Augusto Heleno, que teve a iniciativa de promover a substituição.

O delegado da PF que assumirá a Abin é de outra área, mas ligado à agência, e foi um dos coordenadores da segurança de Bolsonaro durante a campanha presidencial de 2018.

Últimas notícias