Polícia faz ação contra traficante que ordenou ataques em Manaus

Foram 2 mortos no Rio e 17 presos na ação que acontece em Manaus e São Paulo, batizada de Coalizão pelo Bem. No Rio, participam 600 homens

atualizado 18/06/2021 13:23

Policia faz operação contra traficante que ordenou ataques em ManausReprodução Redes Sociais

Rio de Janeiro – Um operação foi realizada em três estados, nesta sexta-feira (18/6), para prender traficantes que promoveram ataques entre 6 e 8 de junho, em Manaus, Amazonas. Batizada de Coalizão do Bem, no Rio, a ação tem como maior alvo Mano Kaio, apontado como chefe do Comando Vermelho, escondido no Complexo da Penha, na zona norte do Rio.

Duas pessoas morreram no Rio. A ação acontece também no Amazonas e São Paulo. Dezessete suspeitos foram presos. Oito em Manaus, dois em São Paulo e sete no Rio, entre eles, dois do Amazonas e quatro do Pará.

Os investigados são suspeitos de financiar R$ 126 milhões para fortalecer a organização criminosas com armas e drogas no Amazonas. Uma estrutura de lavagem de dinheiro foi montada para beneficiar ainda criminosos da facção paulista Primeiro Comando da Capital (PCC).

Só no Rio, a operação conta com 200 policiais civis e 400 PMs.

A onde de violência no Amazonas provocou terror na população. Ônibus, agências bancárias e prédios públicos foram atacados. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, 74 pessoas foram presas e 2 adolescentes apreendidos desde o início dos ataques. A Força Nacional, com 144 homens, foi e atua desde o dia 10 de junho.

Últimas notícias