Polícia Civil indicia 15 presos por massacre em Altamira, no Pará

De acordo com o delegado responsável pelo caso, a medida foi tomada após análise de imagens de câmeras de segurança

Reprodução/ Agência ParáReprodução/ Agência Pará

atualizado 02/08/2019 18:41

A Polícia Civil indiciou nesta sexta-feira (02/08/2019) 15 presos pelo massacre de 58 detentos no Centro de Recuperação Regional de Altamira, no Pará. As investigações ainda não foram concluídas e outros detentos podem ser acusados pelo crime. A informação é da TV Liberal, afiliada da TV Globo.

Segundo o superintendente Regional da Polícia Civil em Altamira, delegado Walison Damasceno, o indiciamento dos 15 presos da facção Comando Classe A – responsáveis pelo ataque aos presos do Comando Vermelho – ocorre após a análise de imagens do circuito de segurança do sistema prisional.

Outras provas analisadas foram imagens feitas por celular de presos postadas em redes sociais. Ainda de acordo com o delegado, com as gravações foi possível ver qual a participação de cada líder no planejamento e na execução do crime.

“No mesmo dia, já foram autuados 15 indivíduos, entre os quais foram identificados alguns líderes desse suposto grupo criminoso. E alguns, também, que foram identificados de pronto em algumas imagens que nós tivemos. Então, esses indivíduos já foram autuados em flagrante”, afirmou Walison Damasceno.

Últimas notícias