Mulher é baleada na cabeça pelo próprio marido, que alega “tiro acidental”

Em depoimento, a vítima teria mentido aos policiais para tentar proteger o marido, autor dos disparos

atualizado 12/07/2020 13:25

Um homem de 25 anos deu um tiro de arma de fogo na cabeça da própria companheira, de 28, no bairro Havaí, região oeste de Belo Horizonte (MG), na noite dessa sexta-feira (10/7). Em depoimento, a vítima teria ainda mentido para tentar proteger o marido, autor dos disparos.

Segundo a Polícia Militar (PMMG), a ocorrência foi registrada, inicialmente, como lesão corporal, pois os relatos levavam a crer em disparo acidental. Contudo, novas informações apresentadas nesse sábado (11/7) fizeram com que os investigadores apontem agora para uma tentativa de feminicídio.

A mulher informou que andava pela rua quando foi atingida por um tiro de raspão. O marido contou uma versão diferente, dizendo que ouviu três tiros e um teria acertado a esposa. Pressionou, o homem confessou, em seguida, ter sido o responsável pelos disparos. Ele mesmo a socorreu.

Leia a reportagem completa no site BHAZ, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias