Homem cobra R$ 10 mil de aluna para não publicar nudes e é preso

Pais registraram boletim de ocorrência após encontrarem mensagens com conteúdo sexual no celular da filha enviadas pelo professor

arquivo pessoal/ G1arquivo pessoal/ G1

atualizado 09/10/2019 10:54

Um professor de matemática foi preso nessa terça-feira (08/10/2019) em São Paulo acusado de extorquir uma garota de 13 anos ao ameaçar publicar fotos íntimas da jovem. O educador, 52, exigiu R$ 10 mil para não vazar as imagens, de acordo com a Polícia Civil. Ele foi preso tentando beijar a menina.

A denúncia foi feita na segunda-feira (07/10/2019) pela própria mãe da estudante. A mulher procurou a Polícia Civil de Ariranha (SP) para registrar boletim de ocorrência por assédio. Ela encontrou mensagens no celular da filha com conteúdo sexual enviadas pelo professor.

“O trabalho de investigação teve início após os pais da vítima procurarem a Polícia Civil e informarem que a filha vinha sendo ameaçada por um homem, que exigia a quantia de R$ 10 mil para não publicar fotos íntimas da menina”, detalha nota publicada pela corporação do estado.

O homem foi preso, de acordo com os investigadores, no momento em que pegava o envelope com o dinheiro e tentava beijar a garota à força. A Polícia apreendeu na casa do professor dois telefones e um pen drive. Os equipamentos foram enviados para perícia e será submetido à análise de conteúdo.

O delegado responsável pelo caso, Gilberto César Costa, afirma que um inquérito policial foi aberto. O investigador, contudo, acredita que ainda é cedo para concluir algo a respeito do caso. Ele alega a possibilidade da existência de outros crimes e garante que tudo será objeto de investigação. 

Últimas notícias