PM salva bebê de 11 dias engasgado com leite no Entorno do DF; vídeo

Recém-nascido era amamentado pela mãe, em Águas Lindas, quando se engasgou. Criança chegou sem sinais respiratórios à Companhia da PM

atualizado 06/04/2021 13:18

PM salva criança engasgada com leite materno em águas lindas de goiásReprodução

Goiânia – Um recém-nascido de apenas 11 dias se engasgou com o leite materno, enquanto era amamentado pela mãe, e foi salvo por policiais militares de Águas Lindas de Goiás (GO), no Entorno do Distrito Federal.

A mãe e o pai chegaram desesperados à 35ª Companhia Independente da Polícia Militar, no início da noite dessa segunda-feira (5/4), pedindo por socorro.

O bebê não apresentava sinais respiratórios e já estava, conforme a PM, em estágio cianótico, ou seja, mudando a coloração do corpo em decorrência da falta de oxigênio. Traduzindo: ele já estava ficando roxo.

O salvamento foi registrado em vídeo. Um dos policiais pegou a criança, a posicionou em uma das mãos e começou a bater nas costas para desobstruir as vias aéreas.

A mãe estava próxima, chorando bastante e precisou ser amparada pelo companheiro. Segundo a polícia, os pais tentaram desengasgar a criança em casa, antes de pedirem o socorro, mas não obtiveram sucesso.

Em determinado momento do vídeo, um dos policiais pergunta para a mãe se tinha sido o leite e ela responde que sim, dizendo que começou a sair pelo nariz do bebê, enquanto ele era amamentado.

Veja:

Após as primeiras tentativas de salvamento, a criança retomou a respiração e deu sinais de que estava tudo bem. A polícia levou a família até uma unidade de saúde para fazer uma última avaliação do recém-nascido.

Ele foi examinado na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Águas Lindas de Goiás. Os profissionais verificaram que o estado de saúde já estava estabilizado e os pais puderam retornar para casa.

Outro caso

Esse é mais um caso de recém-nascido engasgado com leite materno e salvo por integrantes de forças de segurança em Goiás, em menos de quatro dias. No sábado (3/4), ocorreu situação semelhante na cidade de Goiás.

Um bebê de 20 dias foi salvo por um bombeiro, vizinho da família e que estava de folga no dia. A avó e a mãe da criança perceberam que ele estava engasgado e que perdia o fôlego.

Elas pediram socorro na casa do terceiro sargento do Corpo de Bombeiros, Dioclênio Camelo Pinto, de 37 anos. Assim que percebeu o que acontecia, ele pegou rapidamente a criança e deu início ao procedimento de desobstrução das vias aéreas.

O procedimento é igual ao aplicado pelos policiais militares de Águas Lindas de Goiás e se chama, tecnicamente, manobra de Heimlich. O salvamento também foi registrado em imagens.

Veja:

 

Últimas notícias