Nuvens de poeira são registradas no interior de SP e em Goiás

Céu ficou encoberto em cidades de São Paulo e de Goiás nesta sexta (1º/10); alguns locais registraram quedas de árvores e de eletricidade

atualizado 01/10/2021 17:53

goias nuvem de poeiraReprodução

Após assustar moradores do estado de São Paulo na semana passada, uma “nuvem de poeira” foi registrada novamente na tarde desta sexta-feira (1/10) no interior do estado e em municípios de Goiás.

De acordo com a MetSul Meteorologia, o fenômeno, também conhecido como “tempestade de areia”, já alcança muitas cidades em SP. A rede já havia alertado que “temporais de vento” poderiam resultar no acontecimento, chamado de “haboob”. Vídeos compartilhados nas redes sociais mostram uma espécie de fumaça marrom em municípios como Araçatuba, Penápolis e Pereira Barreto, às margens do Rio Tietê.

0

Na capital goiana, a nuvem de poeira trouxe preocupação para moradores, que tiveram dificuldade em trafegar inclusive na BR-152. O céu ficou completamente encoberto por poeira vermelha, causando ventania e queda de energia elétrica em alguns pontos da cidade.  Ao menos dez bairros registraram o fenômeno.

Veja o vídeo:

No domingo passado (26/9), cidades como Franca, Ribeirão Preto e outras do interior de São Paulo e Minas Gerais registraram o fenômeno. Especialistas explicam que o tempo seco e a falta de chuvas são fatores que contribuem para a formação da “nuvem de poeira”, uma vez que os detritos do solo são levados pelo vento e se agregam às nuvens.

0
Goiás

Em Goiás, o fenômeno foi registrado, principalmente, em Goiânia e na região metropolitana. Em alguns lugares, o céu ficou completamente tomado pela nuvem vermelha.

Os primeiros registros ocorreram por volta das 16h30. A nuvem de pó veio acompanhada de muita ventania e, dependendo da região, de pancadas de chuva isoladas.

Por conta do vendaval, árvores caíram em diferentes bairros de Goiânia e provocaram quedas de energia elétrica.

Últimas notícias