Mulher viaja para fazer surpresa ao filho e morre vítima da Covid-19

Moradora de Noronha, Emanuele viajou até Recife para ver o filho, que comemorava 16 anos; ela se sentiu mal logo que chegou ao local

atualizado 26/02/2021 15:23

Emanuele Teixeira da CostaReprodução/ Facebook

Moradora de Fernando de Noronha, Emanuele Teixeira da Costa, de 36 anos, viajou ao Recife para fazer uma surpresa ao filho, que fazia 16 anos, mas morreu nessa quinta-feira (25/2) vítima da Covid-19.

Ao desembarcar em Pernambuco, Emanuele teve dificuldade para subir a escada do apartamento da família, ficou com falta de ar e passou mal. Ela foi levada para uma Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) em Jaboatão dos Guararapes, onde foi feito o teste que indicou positivo para o coronavírus.

O atestado de óbito indicou como causa da morte a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), um dos principais agravantes da Covid-19.

“Emanuele viajou com sintomas de gripe, não sabia que estava com Covid-19. Ela queria fazer uma surpresa para o filho, que fazia aniversário de 16 anos, mas nem conseguiu entrar em casa porque se sentiu mal ao tentar subir a escada”, contou a assistente social Isabeth Teixeira, prima da vítima, ao portal G1.

A prima relatou, ainda, que Emanuele foi socorrida de imediato. “Ela foi levada para a UPA e, após exame positivo de Covid-19, foi encaminhada para o Hospital Evangélico. No dia 15 de fevereiro, foi transferida para o Hospital Português, onde faleceu”, afirmou.

O boletim com informações da Covid-19 divulgado pelo governo de Fernando de Noronha na última quarta-feira (26/2) não incluiu a morte de Emanuele. Os dados confirmam dois óbitos de moradores.

Últimas notícias