Mulher tem corpo queimado por ex após se negar a fazer sexo

Segundo a polícia, o suspeito ameaçou a vítima, tentou estuprá-la e, posteriormente, ateou fogo. Ela foi socorrida por moradores

iStock/Imagem ilustrativa

atualizado 17/02/2020 19:46

O ex-namorado de uma mulher de 21 anos é o principal suspeito de ter queimado o corpo dela, em Olinda, na última quinta-feira (13/02/2020). De acordo com a Polícia Civil, o homem teria tentado manter relação sexual com a jovem, que não aceitou, então ele ateou fogo na vítima. A informação é do portal G1.

De acordo com a polícia, a mulher foi ameaçada pelo ex-namorado, que a obrigou a ir ao barraco onde ele morava. No local, ele tentou estuprá-la e, diante da resistência da vítima, a agrediu.

Na sequência, o ex-namorado jogou álcool contra o corpo dela e ateou fogo. A mulher foi socorrida por moradores da região, e o homem fugiu do local.

O crime está sendo investigado pela Delegacia de Peixinhos, também em Olinda.

Últimas notícias