Moradores do Lins protestam contra morte de Kathlen

Mulher estava grávida e foi atingida por bala perdida durante operação da PM. O corpo da jovem foi sepultado nesta quarta-feira

atualizado 09/06/2021 18:42

Kethlen Romeu era designerReprodução

Rio de Janeiro – Moradores do bairro de Lins de Vasconcelos protestam contra a morte de Kathlen Romeu, de 24 anos, grávida de 14 semanas, em uma ação da Polícia Militar na terça-feira (8/6). Policiais da Delegacia de Homicídios da Capital recolheram 21 armas dos militares, 12 fuzis e nove pistolas para exames de balísticas.

Kathlen foi atingida por um tiro de fuzil que transfixou o tórax. Cinco policiais militares já prestaram depoimento na delegacia. O corpo da jovem foi sepultado no cemitério São Francisco de Paula, no Catumbi, região central do Rio. Parentes e amigos protestaram contra a violência.

 

0

Últimas notícias