Médico é demitido via WhatsApp e viraliza: “Totalmente profissional”

Victor Hugo Heckert publicou uma imagem da mensagem que recebeu comunicando sua demissão. "Totalmente profissional e madura", ironizou

atualizado 28/07/2022 15:02

Conversa no WhatsApp Reprodução/Redes Sociais

O médico Victor Hugo Heckert, de 29 anos, viralizou após publicar no Twitter uma foto da mensagem encaminhada por engano que recebeu via WhatsApp comunicando sua demissão de uma unidade de saúde em Barão Cotegipe (RS).

Indignado, ele expôs o tratamento nas redes sociais em um post que recebeu mais de 90 mil curtidas até manhã desta quinta-feira (28/7). “A demissão via WhatsApp foi totalmente profissional e madura”, ironizou Victor.

Segundo ele, seu contrato com a empresa era de pessoa física, no qual se comprometia a atender todas as segundas e quinta-feiras. O documento exigia ainda um aviso prévio de 30 dias – o que não ocorreu. O médico deve finalizar o trabalho nesta quinta. Victor ressalta que outros plantonistas também foram demitidos da unidade da mesma forma.

O ortopedista critica a maneira como foi demitido e não o desligamento. “Não entendi, de fato, a mensagem, porque era encaminhada. Às vezes o cara errou, encaminhou errado. Mas ele falou: ‘Ah, pois é, achei que tinham te avisado. É isso, colocamos outro médico no lugar, e a partir de segunda tu tá fora'”, explicou ao G1. “Mandou me chutando. Eu fiquei revoltado”, completou.

A publicação resultou em uma onda de compartilhamento de casos semelhantes em diferentes empresas e profissionais. Um usuário, por exemplo, foi demitido durante uma viagem de férias.

Veja outros relatos:

Mais lidas
Últimas notícias