“Maior jogador da história do futebol argentino”, diz Doria sobre Maradona

Oito dias após uma cirurgia no cérebro, o ex-jogador recebeu alta para se recuperar em casa, onde sofreu uma parada cardíaca

atualizado 25/11/2020 16:27

João Doria anuncia renovação da F1 em Interlagos até 2025Fábio Vieira/Especial Metrópoles

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), lamentou nas redes sociais a morte do ex-jogador de futebol Diego Maradona. A lenda do futebol argentino morreu após sofrer uma parada cardiorrespiratória.

“Recebo com pesar mais uma triste notícia: a morte de Diego Maradona, maior jogador da história do futebol argentino e uma das maiores estrelas do esporte no mundo. Meus sentimentos aos familiares e amigos”, escreveu.

Hospitalização

Na última semana, Maradona passou por uma cirurgia no cérebro e, por decisão familiar e médica, permaneceu internado por alguns dias devido a uma anemia e desidratação. O ex-jogador também apresentava sintomas de abstinência por conta do seu vício em álcool. 

Oito dias após a operação, ele recebeu alta do local onde estava internado em Buenos Aires para se recuperar em casa. O craque sofreu uma parada cardíaca, nesta quarta-feira (25/11), e não resistiu.

0

Últimas notícias