Mãe e ex-cunhada de empresário que deve R$ 9 mi são sequestradas

Veículo usado para levar as reféns de Anápolis (GO) foi encontrado em Brasília no sábado (30/11/2019). Mulheres foram libertadas em Minas

atualizado 01/12/2019 22:46

A mãe e a ex-cunhada de um empresário de Anápolis (GO) foram sequestradas e mantidas em cativeiro neste final de semana. As vítimas, de 31 e 68 anos, foram levadas na manhã do sábado (30/11/2019). Elas foram mantidas em dois cativeiros, o primeiro, em Águas Lindas (GO). O segundo, em Cabeceira Grande (MG). A suspeita da polícia é que o sequestro tenha sido motivado por uma dívida do empresário. Segundo informações do Grupo Antissequestro da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), o homem deve R$ 9 milhões a um dos criminosos.

As buscas dos policiais começaram depois que a primeira mulher, de 31 anos, foi sequestrada na porta do apartamento onde mora, às 8h30, de sábado. Em seguida, a idosa foi rendida em uma feira em Anápolis. No primeiro cativeiro, em Águas Lindas, havia um pequeno colchão, mantimentos, braçadeiras de nylon e medicamento para sedação.

0

Os policiais invadiram o local, mas não havia mais ninguém. Em seguida, a equipe localizou o veículo usado pelos sequestradores em Brasília, por volta das 20h30, no SCIA, trecho 02, em via pública da Cidade Estrutural.

Devido à suspeita de haver explosivos no interior do carro, foi solicitado o apoio de equipes da Polícia Militar do DF,  mas não foi localizado nenhum artefato explosivo. Contudo, no interior do veículo havia 28 munições calibre 38, intactas.

Veja vídeo:

Na busca pelas reféns, os policiais de Anápolis seguiram as pistas e chegaram ao segundo cativeiro, em uma fazenda no município de Cabeceira Grande (MG).

As vítimas foram resgatadas sem ferimentos e entregues à família na manhã deste domingo (01/12/2019). Os sequestradores, no entanto, fugiram pela mata.

Últimas notícias