Lobo-guará é capturado dentro de galinheiro em Goiás

Animal estava tentando se alimentar; sem apresentar ferimentos e aparentando boa saúde, ele foi solto em uma área ambiental em Serranópolis

atualizado 23/06/2021 11:38

Lobo-guará é resgatado em GoiásDivulgação/Corpo de Bombeiros de Goiás

Goiânia – Um lobo-guará foi resgatado por bombeiros militares dentro de um galinheiro em uma fazenda do município de Serranópolis, região sudoeste de Goiás. O fato ocorreu na tarde da terça-feira (22/6).

O animal estava no local em busca de alimento. Trata-se de um canídeo ovíparo, que se alimenta tanto de vegetais quanto de carne e até, dependendo da necessidade e da fome, de insetos.

De acordo com os militares, o animal não ofereceu resistência e foi capturado sem dificuldades. O lobo-guará não tem características de ferocidade. O mamífero adulto. com cerca de 1 metro de altura, não apresentava ferimentos e estava aparentemente saudável.

O lobo-guará macho foi levado para uma área ambiental distante da cidade e solto pelos bombeiros.

Veja fotos do resgate:

0

A corporação recomenda às pessoas que, em casos semelhantes, acionem o Corpo de Bombeiros para fazer o resgate. Em Goiás, são comuns registros de resgate de cobras, jacarés, tamanduás, pirarucus e mesmo de animais que têm mais convívio com humanos, como cães, cavalos e vacas. As circunstâncias são as mais diversas possíveis.

Mudança de hábito

Apesar do animal em Goiás ter sido encontrado em uma propriedade na zona rural, o que é mais comum, tem se tornado cada vez mais frequente a localização em áreas urbanas.

O Metrópoles mostrou isso em reportagem recente. Conforme especialistas, essa mudança de hábito é resultado de uma combinação de fatores, como o desmatamento para a criação de pastos, assim como o avanço de fronteiras agrícolas ou mesmo da urbanização.

Maior canídeo silvestre da América do Sul e um dos símbolos do Cerrado brasileiro, tendo até sido homenageado na nota de R$ 200, o belo lobo-guará tem migrado para regiões próximas aos centros urbanos devido à supressão de seu habitat. No Distrito Federal, por exemplo, é corriqueiro o encontro com estes animais nas cidades.

Últimas notícias