*
 

O julgamento dos embargos infringentes de José Dirceu, ex-ministro-chefe da Casa Civil no governo de Luiz Inácio Lula da Silva, foi marcado para o dia 19 de abril no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), em Porto Alegre. Na mesma sessão, serão julgados os recursos de outros réus, como João Vacari Netto e Renato Duque. A informação é da revista IstoÉ.

Dirceu foi condenado a 32 anos de prisão pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e associação criminosa – em duas ações penais da Operação Lava Jato. Ele acabou solto por ordem do Supremo Tribunal Federal (STF) em 2017.