Aras designa integrantes para Grupo de Trabalho da Lava Jato

O time escalado vai auxiliar o PGR na análise das investigações, nas medidas e nos processos judiciais da força-tarefa

Michael Melo/MetrópolesMichael Melo/Metrópoles

atualizado 09/10/2019 16:47

O procurador-geral da República, Augusto Aras, designou nesta quarta-feira (09/10/2019) sete integrantes para compor o Grupo de Trabalho da Operação Lava Jato. O órgão é vinculado à Secretaria da Função Penal Originária (SFPO) junto ao Supremo Tribunal Federal (STF).

O time escalado vai auxiliar o PGR na análise das investigações da Lava Jato, bem como nas medidas e nos processos judiciais delas decorrentes. A Portaria nº 1.052, que traz os nomes, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU).

O grupo será coordenado pelo subprocurador-geral da República José Adonis Callou de Araújo Sá, que terá a atribuição de oficiar perante a 1ª e a 2ª Turmas do STF nos feitos da Lava Jato.

Entre as atribuições dos integrantes do Grupo de Trabalho estão realizar oitivas e participar de outros atos de produção de prova, de audiências judiciais, requisitar informações e documentos de interesse das investigações, e participar de atos instrutórios objetivando a celebração de acordos de colaboração premiada.

Com exceção de José Adonis e do procurador da República Leonardo Sampaio, que continuam também com os respectivos ofícios, os demais participantes do grupo terão atuação exclusiva, com desoneração integral das unidades de origem.

Veja quem são os integrantes:

  • José Adonis Callou de Araújo Sá – Coordenador do GT
  • Alessandro José Fernandes de Oliveira
  • Hebert Reis Mesquita
  • Leonardo Sampaio de Almeida
  • Luana Vargas Macedo
  • Maria Clara Barros Noleto
  • Victor Riccely Lins Santos

Últimas notícias