Juíza cancela show gospel com cachê de R$ 95 mil em cidade de MT

Magistrada entendeu que é um "gasto injustificado" para cidade que está em situação de emergência decorrente dos altos índices de doenças

atualizado 11/07/2022 13:23

Divulgação

A Justiça determinou o cancelamento do show do cantor gospel Anderson Freire, que aconteceria em 20 de agosto, Dia do Evangélico, em Canarana (MT), por entender que o gasto de R$ 95 mil é injustificado e viola o princípio da moralidade e eficiência da administração pública. A realizaçao do evento havia sido divulgada pelo Blog do Romilson.

Desde o mês de junho, está em vigência um decreto do prefeito Fábio Faria (União Brasil) que declarou situação de emergência em decorrência dos altos índices de doenças como dengue, zika, arboviroses e o aumento de contaminados pela covid-19, o que exige atenção especial em dobro do Poder Executivo à saúde pública.

A decisão é da juíza Anela Maria Janczeski Góes que determinou a suspensão do contrato firmado pelo prefeito com a empresa Criative Music LTDA. O despacho foi dado nos autos de uma ação popular de autoria do advogado Rafael Costa Rocha.

Leia mais no portal RD News, parceiro do Metrópoles.

Mais lidas
Últimas notícias