Jovem leva facada após tentar salvar vítima de agressão do ex-namorado

Após esfaquear as vítimas, cervejeiro foi espancado e contido por moradores até a chegada da polícia

atualizado 01/10/2021 20:49

Uma mulher de 23 anos foi esfaqueada, na manhã desta sexta-feira (1º/10), ao tentar proteger uma desconhecida das agressões do ex-namorado, no bairro Praia da Costa, em Vila Velha, na Grande Vitória (ES). O homem, um cervejeiro de 30 anos, foi contido por populares até a chegada da polícia. A ex-namorada dele, uma cozinheira de 32 anos, ficou ferida com um corte superficial na barriga.

A cozinheira, que pediu para não ser identificada, afirmou que o relacionamento havia durado cerca de seis meses e acabado há quatro meses por conta das agressões que sofria do ex-companheiro.

A vítima também revelou que há 15 dias ele teria pedido para voltar, alegando que havia mudad0. No entanto, ao reatarem, as agressões continuaram e ela terminou novamente.

“Eu levei minha filha na escola, por volta de 7h30, e fui na padaria comprar pão. Quando saí, ele estava com uma faca na mão e um martelo na cintura e disse que ia me matar. Ele pegou no meu pescoço, me colocou na parede e aí veio uma moça que nunca tinha visto e mandou ele me largar. Ela dizia: “larga ela, seu covarde, larga ela. Eu não vou sair. Não vou deixar ela sozinha'”, lembrou a cozinheira.

Alguns homens que passavam de carro no local e viram a agressão tentaram se aproximar delas. Porém, o agressor acabou esfaqueando a barriga da ex e a costela da jovem que tentou proteger a vítima.

O homem foi espancado e contido por moradores até a chegada da polícia.

“Eu sou filha de uma mãe solteira que não aceitou agressão do meu pai. Eu também não aceito agressão de homem. Não aceitem. Denunciem mesmo. Se a gente não tomar uma atitude eles fazem o que eles querem”, disse a cozinheira.

A cozinheira teve ferimento superficial na barriga e a jovem que a defendeu foi socorrida e encaminhada para o Hospital Bezerra de Faria, em Vila Velha (ES). O estado de saúde da jovem não era considerado grave.

O homem foi preso e a Polícia Civil informou que a ocorrência está em andamento. Informações do Portal G1.

Últimas notícias