Inhotim reabre com homenagem às vítimas do acidente em Brumadinho

Fechado desde 25 de janeiro por causa do rompimento da barragem da Vale, o centro retomou as atividades neste sábado (9/2)

atualizado 09/02/2019 11:43

Reprodução/Facebook

O Instituto Inhotim, em Brumadinho (MG), retomou suas atividades neste sábado (9/2), duas semanas após a tragédia ambiental que assolou a cidade. A casa foi reaberta com entrada franca e com uma homenagem às vítimas do rompimento da Barragem do Feijão: funcionários e visitantes fizeram um minuto de silêncio para os mortos e familiares.

Segundo a assessoria do Instituto, o Museu não foi atingido fisicamente, mas a equipe está, é claro, abalada. Dos cerca de 600 funcionários da casa, cerca de 80% moram na região e 41 têm familiares desaparecidos ou cujas mortes já foram confirmadas. A previsão era de reabrir no último dia 1º, prazo que acabou se estendendo. As informações são do portal G1.

0

Últimas notícias