Indígena é morto a facadas ao proteger namorada em aldeia

Adolescente suspeito do crime já teria estuprado a acompanhante da vítima, que não resistiu aos ferimentos

atualizado 03/10/2021 12:25

Divulgação

Genieliston Rosa Gonçalves, 17 anos, foi morto a facadas, na madrugada deste domingo (3/10), na Aldeia Bororó, em Dourados (MS). A vítima teria tentado proteger a namorada de outros adolescentes de 16 e 17 anos.

Gonçalves e a namorada consumiam bebida alcoólica, quando, na altura da casa 73, cruzaram com os adolescentes suspeitos.

Leia mais em Topmídia News, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias