Igrejas vão abrigar moradores de rua durante onda de frio em Goiânia

Paróquias pedem doações de roupas, colchões, cobertores, alimentos e kits de higiene pessoal; segundo Cimehgo, frio pode chegar a 9°C

atualizado 29/07/2021 21:39

goias moradores de rua igrejaDivulgação/Comitê de Direitos Humanos Dom Tomás Balduíno

Goiânia – Em razão da onda de frio que atinge o país nesta semana, quatro paróquias vão acolher, a partir desta quinta-feira (29/7), pessoas em situação de rua. As igrejas pedem doações para ajudar os que precisam.

De acordo com o Centro de informações Meteorológicas e Hidrológicas de Goiás (Cimehgo), a previsão é que a temperatura atinja a mínima de 9°C durante esta madrugada. Desta vez, a frente fria chegou a Goiás acompanhada de rajadas de vento de até 20 km/h.

Iniciativa

A iniciativa de abrigo nas paróquias partiu do Comitê dos Direitos Humanos Dom Tomás Balduíno, que fez um comunicado ao arcebispo Dom Washington Cruz. As igrejas foram escolhidas de acordo com a localização geográfica, por estarem em regiões com maior número de pessoas em vulnerabilidade.

Moradores em situação de rua ficarão nos salões paroquiais das igrejas. Segundo informações do comitê, um grupo está andando pela cidade para avisar a população de rua sobre o abrigo.

Como doar?

Os interessados em fazer doações podem levar os itens diretamente nas igrejas. Voluntários estarão no local. Os pedidos são por alimentos, roupas, cobertores, kits de higiene pessoal e colchões. Os locais para doação são:

  • Igreja São Judas Tadeu: Rua 242, n° 100, Setor Coimbra
  • Igreja Ateneu Dom Bosco: Alameda dos Buritis, n° 485, Setor Oeste
  • Igreja Sagrado Coração de Jesus: Praça Boaventura, Setor Leste Vila Nova
  • Catedral Metropolitana de Goiânia: Rua 14, Setor Central

Últimas notícias