Filhos de Flordelis pagaram R$ 8 mil pela arma usada no crime

Lucas e Flávio racharam o valor da pistola. Ambos cumprem prisão temporária de 30 dias por homicídio qualificado

Reprodução/FacebookReprodução/Facebook

atualizado 23/06/2019 12:34

A arma usada para matar o pastor Anderson do Carmo, marido da deputada federal Flordelis (PSD-RJ), custou R$ 8 mil, segundo investigadores da Polícia Civil citados pelo site G1. De acordo com as autoridades policiais, a pistola foi adquirida por Lucas, filho adotivo do casal, dois dias antes do crime, registrado no domingo (16/06/2019), em Niterói.

A investigação revela que Lucas, de 18 anos, pagou R$ 3 mil e o irmão Flávio, 38, que confessou ter atirado no pai, completou com R$ 5 mil. Ambos cumprem prisão temporária de 30 dias por homicídio qualificado.

Lucas, filho adotado, negou as acusações e disse que apenas indicou o lugar para a compra da arma. Ele, que não estava na casa no momento dos disparos, disse não saber para que a pistola seria usada. Flávio, filho biológico do casal, foi preso durante o enterro de Anderson.

Últimas notícias