Filho de Flordelis: mensagem do celular da mãe pedia morte do pastor

Lucas Cézar dos Santos Souza contou à polícia que ficou nervoso com a ordem e ligou de volta na casa, mas a deputada não estava lá

Reprodução/FacebookReprodução/Facebook

atualizado 16/08/2019 8:56

Lucas Cézar dos Santos de Souza, filho adotivo da deputada federal Flordelis (PSD-RJ) e preso suspeito de assassinar o pastor Anderson do Carmo, afirmou à polícia que recebeu uma mensagem enviada do celular da própria mãe pedindo que o pai fosse morto. As informações são do jornal Extra.

De acordo com Lucas, a ordem teria sido recebida cerca de três meses antes do crime. Logo após ler a mensagem, ele teria ligado de volta no mesmo número, mas a mãe não estava em casa. Além disso, contou que era comum diferentes pessoas na residência usarem o telefone da deputada.

No mesmo dia em que recebeu a comunicação, foi à casa de Flordelis e mostrou a mensagem para a parlamentar, que, segundo ele, teria ficado nervosa. Lucas relatou ainda que uma das irmãs adotivas, Marzy Teixeira da Silva, o teria procurado e oferecido R$ 5 mil para que ele matasse o pai.

Em uma outra ocasião, a mesma irmã chamou Lucas para ir até a casa da família a fim de perguntar se ele faria o serviço. À polícia, o rapaz afirmou que não aceitou assassinar o pastor e ficou com medo de que ele fosse morto.

Lucas e o irmão Flávio dos Santos Rodrigues foram indiciados nesta semana por participação na morte de Anderson e, nessa quinta-feira (15/08/2019), o Ministério Público denunciou os dois pelo crime de homicídio triplamente qualificado (por motivo torpe, meio cruel e impossibilidade de defesa da vítima).

Flávio é acusado de ter atirado no pai. Já Lucas teria sido o responsável por comprar a arma usada no crime, que completa dois meses nesta sexta-feira (16/08/2019).

Procurada pelo jornal, a assessoria de imprensa da deputada informou que ela não comentaria o depoimento de Lucas. Em coletiva de imprensa nessa quinta, a delegada titular da Delegacia de Homicídios de Niterói, Bárbara Lomba, disse não estar descartada a participação de Flordelis na morte do marido.

Últimas notícias