“Eu não consigo mais sair sozinha”, diz vítima de stalking em SC

Além de trazer perigo à vida das vítimas, crime de perseguição também apresenta consequências psicológicas ao longo do tempo

atualizado 21/10/2021 15:21

stalker, stalkingiStock

Era para ser só mais um sábado na vida de uma jovem moradora do Meio-Oeste de Santa Catarina. Junto com a família e o noivo, ela foi até a igreja que frequentava desde criança, onde inúmeros rostos conhecidos prestavam atenção cada vez que ela tocava na orquestra durante os cultos. Mas, naquele dia, um olhar em especial a assustava: de um homem, nos fundos, que a observava fixamente.

O crime que mudou a vida da catarinense ocorreu em junho. Ela está entre as centenas de vítimas de stalking no país. Por pedido dela, o Diário Catarinense não irá identificá-la ao longo da reportagem.

Leia mais no NSC Total, parceiro do Metrópoles.

Mais lidas
Últimas notícias